Historias com palavras - 18 anos

Hoje apresentamos as primeira da muitas Histórias com palavras - 18 anos.

Fotografei a Rita num ambiente descontraído e leve num dia de sol em cascais. Fotografei a Rita sozinha, com a família e as suas melhores amigas. 

Aqui coloco apenas parte da sessão fotográfica, com o texto escrito pela a Nheko - Alexandra e que por acaso é Mãe dela.
Um álbum especial para uma data especial.

Para saberem mais infos: nheko.sabido@gmail.com



"Nasceste de manhã cedo mas nunca foste madrugadora.  

Na tua primeira noite de vida a tua mãe não pregou olho de tão enamorada que estava, era uma sensação de espanto e de amor.  

Em pequena sempre te compreenderam bem e tu sempre te explicaste com clareza.  
O teu sorriso não era fácil mas era certeiro, direcionado e capaz de iluminar um dia. 
Foste uma criança reservada, séria, compenetrada e atenta aos pormenores. 

O primeiro filme que viste foi o "Estranho mundo de Jack" e tornaste-te fã do Tim Burton e dos universos fantasmagóricos. O teu sentido de humor nasceu precocemente e acompanhou-te sempre 
ao longo dos anos. 

Vias vezes sem conta filmes de "feios-bonitos", tulo que deste ao referido filme do Tim Burton e "O fabuloso destino de Amélie Pulain", sabias deixas do filme de cor e emocionavas-te com algumas cenas. Tinhas 3 anos. 

Só foste para a escola aos 2 anos e meio, altura em que nasceram as tuas duas irmãs gémeas. 
Nunca fizeste birras nem cenas espalhafatosas mas preferias sempre ficar em casa a ir para o infantário. 

Eras possessiva com os novos amigos e tinhas apenas um ou dois de cada vez.  
Nunca te preocupaste em agradar aos outros, sempre foste muito senhora do teu nariz. 
Com uma sensibilidade estética acima do normal, os teus gostos eram refinados e muito específicos, coisa que se mantém até hoje. 
Foste uma criança fácil, sensata até 

A tua força era do mesmo tamanho da tua fragilidade mas esta sempre foi invisível a olho nu. É preciso despirmo-nos de muita coisa para te vermos o interior. Honesta, frontal, dura. Tornaste-te uma mulher determinada e intensa. A tua força demolidora é capaz de mover montanhas e de destruir impérios. 

Foste surpreendida com um amor maior numa fase decisiva. O teu irmão bebé nasceu quando eras invadida pela imensidão das dúvidas existenciais e veio trazer-te as respostas que jamais encontrarias de outra forma. A vossa ligação emociona os mais atentos. 

A adolescência chegou cedo e como se de uma guerra civil se tratasse, dura e sangrenta. 
Seguiu-se um período de guerra fria e ainda vives em fase de reconstrução. 

Cresceste cedo por teres tanta sede de sorver o mundo mas rapidamente percebeste que, por vezes, se saboreia melhor em goles pequenos e lentos. 



Moves-te agilmente no mundo dos crescidos como se já lhe pertencesses faz tempo, sabes pedir ajuda quando te faltam as palavras e sempre que as dúvidas são mais que as certezas.  
Nunca precisaste da aceitação dos demais, o teu mundo constrói-se por dentro e não deixa pontas soltas. Nem sempre sabes o que queres mas nunca duvidas do que não é para ti.  
Atinges a maioridade rodeada de pessoas que te amam e que te conhecem bem. 
Amiga do amigo és protetora dos teus. 
Uma irmã mais velha, forte, preocupada, amiga, conselheira, honesta e implacável. 
Contigo "ninguém faz farinha". 

Chegas aqui depois de voltas e caminhos atribulados nuns 18 anos vividos com intensidade e sentidos de forma profunda. És uma esponja que absorve todas as emoções que te rodeiam. 
Tudo leva a crer que segues ndireção certa, embora ainda seja muito cedo para gritar vitória. 
Inspiras todos com os teus sonhos, com a tua determinação e força. 
Gostas de desconstruir as verdades feitas e de desafiar a vida. 
Tens espírito de leoa, és uma força da natureza e tens 18 anos. 


És a mais velha e atingimos contigo a maioridade.  

A partir de agora, temos direito a voto (na matéria). 

Parabéns Rita Limão, Amor do nosso Coração. 
Este álbum é oferta dos teus pais e irmãos para marcar este momento importante. 
Com muito amor, 
Mãe Xana, Pai Nuno, irmãos Alice, Eva e Raúl. 
Março de 2018 "



























Histórias de imagens e palavras- Alexandra e Mariana

Há alturas em que nada faz sentido e me questiono se estou no caminho certo, e depois há outras alturas em que coloco intenções no universo e o universo responde de volta. Alturas essas em que me vêem parar ao colo (depois de trabalho duro e investimento no mesmo) muitos projectos e ideias novas que eu agarro com toda a minha energia e transformo em ideias reais.

A Alexandra  que muito admiro partilhou comigo uma ideia, que de alguma forma já vivia em mim, mas nunca a sonhava tornar realidade. Uma ideia de juntar fotografias e palavras num álbum único. Um álbum que deixa gravado memórias do presente que se tornam eternas.


São tão bons estes encontros que nos acontecem na vida!
Há pessoas que se cruzam connosco e trazem consigo a bagagem certa que procurávamos para a criação e concretização de determinada ideia.

Digo sempre que os álbuns fotográficos não devem ser meras fotografias soltas, mas sim uma história de uma vida, uma história de umas férias, uma história de uma viagem. Porque para mim as fotografias são muito mais que meras imagens soltas, são mesmo todo um sentimento, um cheiro, uma conversa, uma memória única de um momento da nossa vida.

Juntei-me à Alexandra, e juntas vamos criar álbuns onde imagens e palavras contam uma mesma história complementando-se num todo.





Histórias de imagens e palavras. 

Uma fotografia conta uma história, uma história leva-nos a novas imagens imaginadas, recordadas, vividas; no passado, no presente e para sempre. 
Álbuns com histórias; Dois olhares sobre uma mesma história, duas formas de a contar e de eternizar no melhor presente. 

A nossa história acontece todos os dias e é feita de imagens que se fundem nas palavras que as ilustram e assim cruzam o tempo. 
É um prazer único folhear um álbum de fotografias e encontrar marcos significativos da nossa vida, marcas do nosso crescimento e momentos que jamais podem ser esquecidos. 

Com estas Histórias de imagens e palavras queremos oferecer um álbum que seja mais do que um conjunto de imagens que evocam memórias, queremos criar um registo intemporal de palavras que contam a história, que transportam quem a lê para a linha do tempo eterno da memória e do amor. 

Este é um objecto presente que pode conter a intensidade do primeiro ano de vida, a força da flor da idade na comemoração dos marcantes 18 anos, o encontro dos muitos afectos de um aniversário dos avós. 
Porque há histórias que se contam tantas vezes que nos ficam registadas na memória aqui oferecemos a materialização desse inventário de emoções. 
Imagens que se afirmam no tempo desafiando-o a ficar para sempre presente.





Criámos assim três diferentes pacotes que assinalam 3 marcos importantíssimos nas vidas das famílias:
O álbum do primeiro ano de vida do bebé
O álbum da comemoração dos 18 anos
O álbum dos avós


FOTOGRAFIAS BEBÉ




No álbum do primeiro ano de vida do bebé, a nossa proposta ramifica-se em duas hipóteses diferentes, a primeira implica quatro momentos diferentes de registo em que se marcam 4 sessões de fotografias: gravidez / recém nascido / 6-8 meses / 1 ano. 
São quatro mini-sessões que se juntam a um texto sobre este intenso primeiro ano e que culminam num registo deliciosamente único.

A outra hipótese é feita numa só sessão, perto da data do seu primeiro aniversário, com a criança, os pais e irmãos (caso tenham) e acompanhado com um texto sobre a vivência deste primeiro ano do resto da sua vida.

Em breve vamos fazer uma apresentação detalhada de cada uma destas opções de Histórias de imagens e palavras.

FOTOGRAFIAS ADOLESCENTE




A comemoração dos 18 anos, este é um álbum muito especial! 
Aqui vamos reunir, não só a família, como os maiores amigos e com eles construir um texto que espelhe o amor que cada uma destas pessoas tem pelo/a jovem aniversariante. 
Este álbum reúne fotografias variadas, do/a protagonista da história sozinho/a, com os irmãos e pais e com o grupo de amigos, os BFF's.






FOTOGRAFIAS DE FAMÍLIA




 O álbum dos avós pode acontecer num aniversário do avô ou avó, no aniversário de casamento ou noutra data qualquer que a família considere digna de se tornar um marco.
Quantas vezes ficamos sem saber o que oferecer a quem apenas precisa de coisas muito especiais? Quantas histórias existem, que passam de boca em boca e que precisam de ficar gravadas para além das nossas memórias? Haverá algo que os avós mais gostam do que eternizar momentos de união, alegria e comemoração? juntar os seus mais queridos à sua volta e poderem olhar para isto sempre que o desejarem?
Este é um álbum muito emocionante de construir, juntar relatos de momentos importantes, relembrar episódios inesquecíveis, deixar o coração falar dos afectos que nos unem e registar isso tudo em páginas de amor eterno.
Esta é a proposta que a mim mais me emociona e tenho muita vontade de a fazer para todos aqueles que passaram a vida e oferecer afecto, a dar colo e a fazer do abraço a sua casa. 


Também já temos uma publicação destas ao lume, a cozinhar a fusão perfeita de sorrisos e lágrimas, de quem dá, de quem recebe e também de quem o faz.
Com amor.


Tal como referi anteriormente vamos publicar brevemente, um exemplo de cada um destes álbuns, com uma selecção de imagens e excertos dos textos.
Podem pedir mais informações através do email: nheko.sabido@gmail.com 
Enviamos uma apresentação completa da nossa proposta com cada passo, dos tempos e momentos e também com valores.

Sigam as nossa publicações Nheko, pelo Facebook e Instagram
E a Mariana Sabido, pelo seu site ou Instagram.



AddThis