FAQ´s Photos Sabido Como fotografar dentro de casa, com pouca luz, ou mesmo à noite?

Uma das perguntas mais frequentes é como fotografar dentro de casa sem utilizar flash.

O nosso olho é muito versátil, adapta-se a qualquer luz, a qualquer hora do dia. Já a máquina fotográfica se não lhe der-mos as indicações correctas, ela não vai conseguir perceber que afinal ainda há luz suficiente para fotografar sem flash.



22h em casa com luz do candeeiro.
ISO 2000 F 1,4 V 1/40

Neste post irei colocar várias fotografias com legendas onde indico o ISO, a Abertura e a Velocidade que utilizei. De maneira que seja mais fácil para vocês compreenderem como realizei a fotografia.

Para que a magia aconteça em fotografias com pouca luz, ou mesmo sem luz, vamos ter que utilizar os settings da nossa máquina. Neste caso utilizar o ISO vai "salvar" muitas das nossas fotografias. 

Não tenham medo de utilizar o ISO, usem e abusem, ele existe para isso mesmo. Pouca luz significa sempre ISOs altos. Se além disso ainda tiver a sorte de ter uma lente com uma abertura de diafragma grande, por exemplo 1.4, 2.8, então coloque a abertura num desses valores, assim vai entrar mais luz na sua máquina, resultando numa fotografia mais luminosa.

Por isso tente ISOs como 400, 800, 1600, dependendo da máquina que tem poderá ir até ISOs mais altos. (Mas cuidado, tenha sempre em atenção, quanto mais alto o ISO, mais "ruído" vai ter a sua fotografia, poderá ficar com mais pixeis).

Quando chego a um novo local para fotografar analiso sempre a luz natural. A primeira coisa que modifico na minha máquina antes de começar a fotografar é o ISO. Clico duas ou três vezes, vejo a minha abertura e a minha velocidade para ver se estão dentro do que procuro para aquele ambiente. Depois do ISO escolhido então sim posso começar a fotografar.

Se estou a fotografar ao final do dia por exemplo, a luz com que comecei a fotografar às 16h não é a mesma luz que tenho às 18h, a luz vai ficado cada vez mais escassa e começo a ver que as fotografias começam a ficar cada vez mais lentas e tremidas, isso acontece por falta de luz, então tenho que voltar a aumentar o ISO para que a fotografia fique outra vez equilibrada em termos de ISO, Abertura e Velocidade.

Fotografar de dia dentro de casa

Nem todas as casa são de "cinema", cheias de luz a qualquer hora do dia. Nem todas as casa estão viradas a sul com raios mágicos a entrarem pela nossa janela.

O que faço então quando estou a fotografar dentro de casa?

Tento usar ao máximo a luz natural dessa casa. Vejo quais os locais mais luminosos, vejo a luz vinda das janelas e abro as cortinas se necessário, peço às pessoas que mudem de lugar e fiquem viradas para a janela de maneira a estarem iluminadas pela luz.

Por exemplo nas fotografias em baixo, estão com luz natural directa vinda da Janela. Mesmo de frente, no caso da primeira fotografia das duas crianças sentadas na mesa, em que a janela está situada atrás de mim.
Ou então a luz lateral, como podem ver nas 3 fotografias seguintes. Em que a janela está na minha lateral e as pessoas estão a ser iluminadas lateralmente, aproveitando assim o máximo possível essa luz.

Por exemplo, na primeira fotografia com as duas crianças, elas estavam à frente da janela, na parte mais escura da imagem, eu pedi que se chegassem para trás de maneira a ficarem iluminadas pela luz que vinha da janela.



Fotografia da esquerda ISO 320 f 2.8 V 1/250
Fotografia da direita 400 2.8 V 1/400


Fotografia da esquerda 250 f 2.5 V 1000
Fotografia da direita 250 f 2.2 V 1/500

E como fotografamos em casa quando já não há luz natural?

Existem algumas maneiras de contornar o problema. Primeiro era bom se em casa tivéssemos todas as lâmpadas com a mesma temperatura de cor e se possível da mesma marca. Isso vai ajudar a conseguimos ter um White Balance mais equilibrado. Nem sempre é possível, eu sei.
As fotografias dentro de casa com iluminação de candeeiros vão ficar todas num tom mais quente, mais avermelhado, isto deve-se às lâmpadas warm, que têm tons quentes. 
Se por exemplo fotografar numa cozinha que têm aquelas luzes LED, vai ver que as suas fotografias vão ficar todas esverdeadas.

Em minha casa só uso luzes quentes, não gosto de luzes verdes ou azuis!

Depois ainda temos que ter em conta a iluminação que tem em casa ou no local em que está a fotografar, é uma luz de tecto, de candeeiros baixos, é uma luz directa, etc...
Nestas condições vai ter que usar sempre ISOs altos, de 400 para cima (1600 no caso da fotografia exemplificada em baixo), assim a fotografia vai ficar com a luz correcta, na verdade muito próxima da realidade.



Ler uma História ao deitar, apenas luz dos candeeiros.
ISO 1600 F 2,5 V 1/125


Luz candeeiros - 19h00

ISO 600 f 2.2 V 1/50

Como fotografar quando ainda vejo luz, mas já não há sol? Porque é que quando fotografo a essas horas, as fotografias parecem sempre que já é de noite?

Como mencionei em cima os nossos olhos adaptam-se muito facilmente às mudanças de luz. Se fotografarmos quando estivermos por exemplo na praia quando o Sol acabou de se pôr, mesmo na altura em que já não há sol mas ainda há luz, essa fotografia vai parecer que está completamente de noite ou então a máquina diz-nos que necessitamos de flash.
Nas duas fotografias em baixo, utilizei um ISO de 400 e uma abertura de f1.8 e a fotografia fica muito mais poderosa e com uma luz muito próxima do que estava realmente a ver. E vocês dizem, mas a velocidade está super lenta, 1/15 ou 1/25, não vai ficar tudo tremido?

Na primeira fotografia como não estava a fotografar nada em movimento não havia qualquer problema em ter uma velocidade baixa, apenas não podia mexer-me quando tiro a fotografia.

Na segunda, pedi à Laura que ficasse um segundo parada e como a velocidade é um bocadinho mais alta que na primeira a foto funcionou.


19 horas em Bali na praia
ISO 400 F 1.8 V 1/15



final do dia, quase noite em Julho 
ISO 400 f.2.2 V 1/25


E por exemplo quando cantamos os parabéns, apenas com a luz das velas, ou quando temos apenas a luz de uma lanterna?


Apenas com luz das velas. Dezembro 17 horas.
ISO 800 f 2.2 V 1/200



E dentro de casa com luz natural?

Mesmo com luz do Sol dentro de casa, muitas vezes temos dificuldade em ter fotografias com uma luz bonita e sem estarem tremidas.
Mesmo com luz do Sol por vezes temos que fazer alteração do nosso ISO.


Nas fotografias em baixo, na mesma casa, no mesmo horário. A fotografia da esquerda tem a janela do lado esquerdo e está virada a Sul por isso é muito mais iluminada e a fotografia da direita tem a janela do lado esquerdo da crianças, mas a janela é virada a norte.
Vêm como duas fotografias na mesma casa, mas com localizações completamente diferentes, podem ter uma luz muito diferente?



 Fotografia da esquerda ISO 320 f 2.8 V 1/200
Fotografia da direita ISO 320 f 2.2 V 1/250


ISO 100 f1.8 V 1/320



Fotografias no verão com luz natural dentro de casa.
A da esquerda da parte da tarde com ISO 160 f 2.8 V 1/160
A da direita da parte da manhã  ISO 100 f.2.8 V 1/320



Fotografar dentro de casa ou à noite sem flash é sempre um desafio. Por vezes quando olhamos para o ecrã da máquina, as fotografias parecem estar a sair bem, sem estarem tremidas e depois chegamos ao computador e já não estão assim tão bem. Os ecrãs das nossas máquinas são muito pequenos e podem enganar facilmente. O WB também é algo que pode sofrer alterações quando está a fotografar em casa com luz de candeeiros, por vezes as fotos estão vermelhas demais, por isso ajuste o White Balance de acordo com o seu gosto pessoal.

Às vezes a fotografia pode ficar um pouco tremida ou com uma subexposição ou muito amarela quase vermelha. Não está correcta, mas não acho grave, antes eternizar aquele momento do que não ter fotografia nenhuma desse momento tão especial.

Deixo-vos de novo o guia dos ISOs para vos orientar nas fotografias dentro de casa ou mesmo à noite.


Até para a semana.
Pratiquem muito, errem muito, quando mais fotografarem mais vão aprender.




1 comentário:

  1. Olá Mariana,
    Muito uteis, estes posts.
    Não fala em lado nenhum da utilização de tripé, não é suposto?

    ResponderEliminar

AddThis